Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

pessoas e coisas da vida

pessoas e coisas da vida

18.03.19

Domingo à noite


imsilva

Saímos mais cedo do que o habitual do trabalho. Às 22,30 estamos em casa. Vamos para o aconchego do sofá. Ele vai para a televisão, ver uns homens aos gritos por causa de outros homens que andam a correr atrás de uma bola (?), e eu abro o computador, disposta a descobrir novos blogs de pessoas que não gritam, pelo menos aos meus ouvidos.

Num intervalo dos tais homens aos gritos, ele faz zapping e aparece no ecrã da televisão, um homen e uma mulher, aparentemente nus (e estavam) estavam deitados numa espécie de armário ou coisa que o valha. O homen entretanto, com um ar um bocadinho aflito levanta-se e com um bocado de madeira, tapa as suas miudezas e encostado à parede vai não sei onde, não sem antes mostrar um peludo traseiro, que realmente eu não tinha pedido para ver.

A única coisa que eu tentei descobrir, foi que raio  de programa era aquele. E vi que se chamava "Começar de novo". Cheirou-me a reality e seguimos para a nossa vida, ele ao seu programa de homens aos gritos e eu para o meu computador.

Mas não resisti ! Hoje tive que ir ver o que realmente era aquilo, e fui espreitar. Quanto é que vos teriam que pagar para fazer aquelas figuras? Algum valor vos faria fazer aquelas figuras?

Aplaudo a R T P que não se rendeu a este tipo de tristes espectáculos.

IMG_1479.JPG

 

11.03.19

Televisão pobre de espirito


imsilva

O nosso povo é assim tão pobre de espirito? Não quis acreditar nas personagens que vi ontem na televisão. Antes tivesse ido trabalhar,que não fui por estar extremamente cansada, e por isso ter-me posto à frente da televisão à espera de distração. As mães que querem casar os filhos...ok... podem entrar numa brincadeira, apesar de foleira. Mas, quem escolheu aquelas santas daquelas miudas? aquelas maravilhosas fatiotas? Espero bem que não tenha sido a produção do programa, ou vou ficar seriamente preocupada com os profissionais que por lá andam. No fundo senti-me gozada, porque um programa mediano, daquele género, tem que ser minimamente coerente. Ora dizia a apresentadora que tinham escolhido muito atentamente, as candidatas para cada um dos candidatos,A sério???? então se não tivesse sido atentamente, teria corrido melhor? Sinceramente, senti-me envergonhada.